Imediatamente o pai do menino exclamou: "Creio, ajuda-me a vencer a minha incredulidade!" Marcos 9.24
Leitura diária na versão Nova Versão Internacional - Português


Jó 1
Jó 2
1 Tessalonicenses 4

Jó 1


1
Na terra de Uz vivia um homem chama­do Jó. Era homem íntegro e justo; temia a Deus e evitava fazer o mal.
2
Tinha ele sete filhos e três filhas,
3
e possuía sete mil ovelhas, três mil came­los, quinhentas juntas de boi e quinhentos jumentos, e tinha muita gente a seu serviço. Era o homem mais rico do oriente.
4
Seus filhos costumavam dar banquetes em casa, um de cada vez, e convidavam suas três irmãs para comerem e beberem com eles.
5
Terminado um período de banquetes, Jó mandava chamá-los e fazia com que se purificassem. De madrugada ele oferecia um holocausto[1] em favor de cada um deles, pois pensava: "Talvez os meus filhos tenham, lá no íntimo, pecado e amal­diçoado a Deus". Essa era a prática constante de Jó.
6
Certo dia os anjos[2] vieram apresentar-se ao Senhor, e Satanás[3] também veio com eles.
7
O Senhor disse a Satanás: "De onde você veio?" Satanás respondeu ao Senhor: "De perambular pela terra e andar por ela".
8
Disse então o Senhor a Satanás: "Repa­rou em meu servo Jó? Não há ninguém na terra como ele, irrepreensível, íntegro, homem que teme a Deus e evita o mal".
9
"Será que Jó não tem razões para temer a Deus?", respondeu Satanás.
10
Acaso não puseste uma cerca em volta dele, da família dele e de tudo o que ele possui? Tu mesmo tens abençoado tudo o que ele faz, de modo que os seus rebanhos estão espalhados por toda a terra.
11
Mas estende a tua mão e fere tudo o que ele tem, e com certeza ele te amaldiçoará na tua face.
12
O Senhor disse a Satanás: "Pois bem, tudo o que ele possui está nas suas mãos; apenas não toque nele". Então Satanás saiu da presença do Senhor.
13
Certo dia, quando os filhos e as filhas de Jó estavam num banquete, comendo e bebendo vinho na casa do irmão mais velho,
14
um mensa­geiro veio dizer a Jó: Os bois estavam arando e os jumentos estavam pastando por perto,
15
quando os sabeus os atacaram e os levaram embora. Mata­ram à espada os empregados, e eu fui o único que escapou para lhe contar!
16
Enquanto ele ainda estava falando, chegou outro mensageiro e disse: "Fogo de Deus caiu do céu e queimou totalmente as ovelhas e os empregados, e eu fui o único que escapou para lhe contar!"
17
Enquanto ele ainda estava falando, chegou outro mensageiro e disse: "Vieram caldeus em três bandos, atacaram os camelos e os levaram embora. Mataram à espada os em­pregados, e eu fui o único que escapou para lhe contar!"
18
Enquanto ele ainda estava falando, chegou ainda outro mensageiro e disse: Seus filhos e suas filhas estavam num banquete, comendo e bebendo vinho na casa do irmão mais velho,
19
quando, de repente, um vento muito forte veio do deserto e atingiu os quatro cantos da casa, que desabou. Eles morreram, e eu fui o único que escapou para lhe contar!
20
Ao ouvir isso, Jó levantou-se, rasgou o manto e rapou a cabeça. Então prostrou-se com o rosto em terra, em adoração,
21
e disse: "Saí nu do ventre da minha mãe, e nu partirei[4]. O Senhor o deu, o Senhor o levou; louvado seja o nome do Senhor".
22
Em tudo isso Jó não pecou e não culpou a Deus de coisa alguma.

topo

Jó 2


1
Num outro dia os anjos[5] vieram apresentar-se ao Senhor, e Satanás também veio com eles para apresentar-se.
2
O Senhor perguntou a Satanás, "De onde você ve­io?" Satanás respondeu ao Senhor: "De perambular pela terra e andar por ela".
3
Disse então o Senhor a Satanás: "Repa­rou em meu servo Jó? Não há ninguém na terra como ele, irrepreensível, íntegro, homem que teme a Deus e evita o mal. Ele se mantém ínte­gro, apesar de você me haver instigado contra ele para arruiná-lo sem motivo".
4
"Pele por pele!", respondeu Satanás. "Um homem dará tudo o que tem por sua vida.
5
Estende a tua mão e fere a sua carne e os seus ossos, e com certeza ele te amaldiçoará na tua face.
6
O Senhor disse a Satanás: "Pois bem, ele está nas suas mãos; apenas poupe a vida dele".
7
Saiu, pois, Satanás da presença do Senhor e afligiu Jó com feridas terríveis, da sola dos pés ao alto da cabeça.
8
Então Jó apanhou um caco de louça e com ele se raspava, senta­do entre as cinzas.
9
Então sua mulher lhe disse: "Você ainda mantém a sua integridade? Amaldiçoe a Deus, e morra!"
10
Ele respondeu: "Você fala como uma insensata. Aceitaremos o bem dado por Deus, e não o mal?" Em tudo isso Jó não pecou com seus lábios.
11
Quando três amigos de Jó, Elifaz, de Temã, Bildade, de Suá, e Zofar, de Naamate, souberam de todos os males que o haviam atingido, saíram, cada um da sua região. Combinaram encontrar-se para, juntos, irem mostrar solidarie­dade a Jó e consolá-lo.
12
Quando o viram a distância, mal puderam reconhecê-lo e começa­ram a chorar em alta voz. Cada um deles rasgou seu manto e colocou terra sobre a cabeça.
13
Depo­is os três se assentaram no chão com ele, durante sete dias e sete noites. Ninguém lhe disse uma pala­vra, pois viam como era grande o seu sofrimen­to.

topo

1 Tessalonicenses 4


1
Quanto ao mais, irmãos, já os instruímos acerca de como viver a fim de agradar a Deus e, de fato, assim vocês estão procedendo. Agora lhes pedimos e exortamos no Senhor Jesus que cresçam nisso cada vez mais.
2
Pois vocês conhecem os mandamentos que lhes demos pela autoridade do Senhor Jesus.
3
A vontade de Deus é que vocês sejam santificados: abstenham-se da imoralidade sexual.
4
Cada um saiba controlar o seu próprio corpo[8] de maneira santa e honrosa,
5
não dominado pela paixão de desejos desenfreados, como os pagãos que desconhecem a Deus.
6
Neste assunto, ninguém prejudique seu irmão nem dele se aproveite. O Senhor castigará todas essas práticas, como já lhes dissemos e asseguramos.
7
Porque Deus não nos chamou para a impureza, mas para a santidade.
8
Portanto, aquele que rejeita estas coisas não está rejeitando o homem, mas a Deus, que lhes dá o seu Espírito Santo.
9
Quanto ao amor fraternal, não precisamos escrever-lhes, pois vocês mesmos já foram ensinados por Deus a se amarem uns aos outros.
10
E, de fato, vocês amam todos os irmãos em toda a Macedônia. Contudo, irmãos, insistimos com vocês que cada vez mais assim procedam.
11
Esforcem-se para ter uma vida tranqüila, cuidar dos seus próprios negócios e trabalhar com as próprias mãos, como nós os instruímos;
12
a fim de que andem decentemente aos olhos dos que são de fora e não dependam de ninguém.
13
Irmãos, não queremos que vocês sejam ignorantes quanto aos que dormem, para que não se entristeçam como os outros que não têm esperança.
14
Se cremos que Jesus morreu e ressurgiu, cremos também que Deus trará, mediante Jesus e com ele, aqueles que nele dormiram.
15
Dizemos a vocês, pela palavra do Senhor, que nós, os que estivermos vivos, os que ficarmos até a vinda do Senhor, certamente não precederemos os que dormem.
16
Pois, dada a ordem, com a voz do arcanjo e o ressoar da trombeta de Deus, o próprio Senhor descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro.
17
Depois nós, os que estivermos vivos seremos arrebatados com eles nas nuvens, para o encontro com o Senhor nos ares. E assim estaremos com o Senhor para sempre.
18
Consolem-se uns aos outros com essas palavras.

topo
Participe da nossa comunidade
Facebook
Twitter